São
Paulo
Guia
LGBT

Gastronomia

São Paulo é a capital latino-americana da gastronomia. Une 51 tipos de cozinha em mais de 15 mil restaurantes, o que a torna capaz de agradar a todos os gostos e bolsos, desde aqueles que curtem a simplicidade até os que preferem as requintadas tendências da cozinha internacional.

Padaria Benjamin Abrahão. Foto: Divulgação

Padaria Benjamin Abrahão. Foto: Divulgação

Padarias

As padarias são verdadeiras instituições em São Paulo e ganharam status. Para tomar um café da manhã reforçado ou para matar a fome depois da balada, diversas permanecem abertas 24 horas. A Benjamin Abrahão tem lojas nos Jardins e em Higienópolis. O clássico da casa são os croissants, principalmente o de presunto acompanhado por café ou suco. A padaria Bella Paulista, local muito frequentado pelo público gay, próximo à Rua Augusta, possui adega, pizzaria e oferece um bufê de café da manhã com diversos pães e bolos.

Restaurante Ritz. Foto: Divulgação

Restaurante Ritz. Foto: Divulgação

Para almoçar

São Paulo possui restaurantes badaladíssimos, que unem a boa gastronomia, com qualidade no atendimento e decorações impecáveis. Se procura algo mais refinado, vá ao Ritz, que oferece pratos rápidos e hambúrgueres em um ambiente moderno, agitado e ponto de encontro de trintões arrumadinhos. O objetivo é comer e se divertir em um espaço mais alternativo? O restaurante Chez MIS, dentro do Museu da Imagem e do Som, é a melhor escolha. Mesas de ônix, sofás de couro e paredes de vidro dão tom sofisticado ao local, que apresenta ainda uma linda vista para o jardim do museu. Para uma refeição mais romântica, vá ao Zeffiro, que ocupa um antigo casarão com uma decoração rústica e apresenta uma ótima relação custo-benefício. Quer provar de um tempero bastante atípico? Vá ao Biyou’Z, um restaurante africano, na Alameda Barão de Limeira. Com um cardápio bem variado, composto por pratos com banana, mandioca, carnes e vegetais, não se paga muito para comer bem, nem para querer voltar ao Biyou’Z pelo excelente atendimento e sabor dos pratos.

Restaurante Spot. Foto: Divulgação

Restaurante Spot. Foto: Divulgação

Para jantar

Com opções para todos os gostos e em todas as regiões da cidade, os restaurantes que abrem à noite são uma excelente alternativa para quem quer uma boa refeição antes de cair na farra ou para quem quer fazer do jantar o grande programa. O Athenas é ideal para quem planeja se divertir mais tarde nos bares e baladas da rua Augusta. É possível ter que enfrentar um pouco de fila, mas valerá a pena. Ele fica aberto até a madrugada e possui um cardápio muito variado. Também aberto até as 4h da manhã há o Rex, onde as combinações gastronômicas são tão democráticas que vão do hambúrguer ao caviar. Se, mais do que a comida, você está procurando badalação, vá ao Spot. Point de artistas e celebridades, o local ganha pela decoração, pela qualidade dos pratos e pelos famosos drinques, como a caipirinha de tangerina. Se você estiver passeando pela Rua Augusta e te der fome, pode ir ao Maoz, um restaurante vegetariano que conta com um cardápio deliciosíssimo. No Brasil, é o único da rede Maoz. A dica é um combo com falafel, batata assada e suco!